Posts Tagged ‘ Kinect ’

IllumiRoom: a revolucionária tecnologia da Microsoft para oferecer a imersão máxima de seus jogos

Depois de ter reinventado o conceito de controles gestuais para video games, eis que a Microsoft surpreende novamente com sua nova tecnologia, que promete trazer a imersão completa para os jogos do futuro. Batizada de IllumiRoom, a novidade pretende tirar o universo do game de sua TV e expandi-lo por toda a sua sala de estar.

Conforme apresentado durante a conferência da companhia na CES 2013, o conceito está sendo produzido pela Microsoft Research em parceria com a Samsung, mas pouco se sabe realmente sobre ele — exceto, é claro, que ele pode revolucionar a ambientação dos games como um todo. A partir de um acessório que atua em conjunto com a televisão, ele projeta luzes e imagens por todo o cômodo, extrapolando os limites da tela.

O vídeo de demonstração revela bem o potencial do IllumiRoom em diferentes gêneros de jogos. Nos FPS, por exemplo, o próprio cenário se expande pelas paredes e pelo chão em torno do jogador, que realmente se sente dentro da ação. Outros efeitos, como explosões, também ganham vida à sua frente.

Outro ponto de destaque é um game de corrida que aparece em determinado ponto do trailer. Como a pista está completamente congelada, pequenos flocos de neve são projetados por todo o quarto.

A novidade da próxima geração?

Como mencionado, o IllumiRoom ainda está em fase conceitual e foi apresentado pela divisão de pesquisas de novas tecnologias da Microsoft, o que significa que ele não é um produto em si. No entanto, isso não nos impede de especular sobre seu futuro.

O primeiro grande ponto é a possibilidade desta novidade ser a arma da companhia em sua estreia na próxima geração de consoles. Já imaginou como seria incrível ver o Xbox 720 com esse tipo de imersão? No entanto, os olhos mais atentos podem perceber que não é a nova plataforma que aparece no vídeo, mas o bom e velho Xbox 360.

(Fonte da imagem: Reprodução/Microsoft)

Isso também não significa que veremos essa tecnologia ainda nesta geração — afinal, ela ainda está sendo desenvolvida pela equipe da Microsoft Research, e os rumores apontam o novo Xbox para breve. Nossa aposta é que a empresa está apenas empenhada em despistar os boatos existentes criando novos.

Imersão total

Por outro lado, a demonstração conseguiu nos deixar muito empolgados com o que está por vir. Apesar de o vídeo mostrar somente títulos genéricos, imagine como o IllumiRoom poderia potencializar a imersão em franquias já consolidadas. Pense em como seria lutar contra os Locusts em um novo Gears of War, sabendo que eles estão correndo por toda a sua casa, ou em quanto o terror de Dead Space poderia ser expandido.

Além disso, o material exibido também nos permite ver o Kinect em frente à TV, o que sugere uma possível atuação em conjunto com o periférico. Embora isso ainda não esteja certo, não custa sonhar com a possibilidade de termos o cenário de uma guerra projetado em nossa sala enquanto fazemos os movimentos para nossos companheiros a partir do sensor.

Patente da Microsoft que antecipou tecnologia do IllumiRoom (Fonte da imagem: Reprodução/NeoGAF)

Mais alguns mistérios

Embora o IllumiRoom pareça ser a concretização de uma patente misteriosa que surgiu na internet há algum tempo, ainda restam muitas dúvidas sobre ele. Como ele funciona exatamente? Será para Xbox 360 ou um console de nova geração? Será integrado ao Kinect ou faz parte de um possível sucessor para o periférico? Essas são apenas algumas das perguntas que encheram nossas cabeças tão logo a tecnologia foi revelada.

(Fonte da imagem: Reprodução/Microsoft)No entanto, a questão que mais nos intriga aparece rapidamente no material divulgado. Em um dos poucos momentos em que a sala é iluminada, além do Xbox 360 e do Kinect, podemos ver um estranho acessório conectado ao aparelho. Será ele o tão comentado IllumiRoom?

Anúncios

Dead Space 3 irá reconhecer gritos e sustos dos jogadores no Kinect

 

Quem já jogou algum game da série Dead Space sabe como é comum levar sustos durante as sessões de jogatina. São monstros saltando da parede, alucinações que desaparecem de repente e muitos outros efeitos capazes de deixar os nervos de qualquer um à flor da pele.

Em uma entrevista ao site CVG, o produtor executivo de Dead Space 3, Steve Papoutsis, comentou que para aproveitar o clima tenso do jogo, a versão do título para o Xbox 360 irá reconhecer gritos e palavrões utilizados pelos jogadores em momentos de tensão.

“Há comandos específicos no jogo em que, em determinadas situações, quando o jogador berrar algumas palavras específicas o game irá se comportar de maneiras diferentes”. Apesar de Papoutsis não revelar exatamente o que poderá acontecer, isso não deve permanecer um segredo muito tempo. Além disso, é interessante notar como é possível integrar a reação dos jogadores à mecânica de jogo.

Durante a entrevista, o produtor executivo também comentou sobre as dificuldades de adicionar novos personagens a uma franquia já estabelecida, assim como os problemas encontrados na hora de atrair jogadores que não estão acostumados com o gênero. “Houve casos de pessoas que pausaram o jogo e fugiram do joystick, pois o jogo era demais para elas. Quando isso acontece, é bem triste” relatou.

FIFA 13: Kinect e novidades no modo carreira

Img_normal

EA Sports está revelando as novidades que poderão ser encontradas no FIFA 13 — que tem previsão de chegar ainda neste semestre ao mercado. Pelas informações divulgadas, algumas das principais inovações que virão no game estão no “Career Mode” (modo carreira), que incluirá opções internacionais. Assim, como um gerente ou jogador, você será capaz de atuar pelo seu time nacional favorito em amistosos, eliminatórias e torneios importantes.

Além disso, o jogo pretende trazer uma experiência mais realista quanto ao gerenciamento de transferências, que acompanhará quesitos como reputação e valores reais de jogadores.

Outros aspectos existentes no mercado — como idade, moral, rivalidades entre clubes, forma e o tempo que o jogador ainda tem com um determinado contrato — também passarão a ser analisados neste novo sistema.

Como na vida real, será necessário provar suas habilidades como administrador ou jogador e assim se destacar para conseguir um lugar em uma grande equipe — ganhando “merecidamente” os contratos com novos clubes.

Tottenham Hotspur Football Club faz parceria com a EA Sports

Outra novidade relacionada ao FIFA 13 é uma parceria de três anos realizada entre o clube europeu Tottenham Hotspur e a EA Sports — a união busca promover tanto o jogo como as partidas do clube inglês.

Img_normal
O Tottenham Hotspur Football Club irá visitar os Estados Unidos neste mês e, durante sua estadia, disponibilizará à EA Sports os seus jogadores para serem escaneados e incluídos com suas feições reais no FIFA 13.

Para complementar a parceria, a Electronic Arts também irá desenvolver uma caixa especial para o jogo tendo o time como tema — que os fãs poderão baixar diretamente do site do clube.

Use o Kinect e “xingue” o juiz

O FIFA 13 não quis ficar de fora das novas possibilidades oferecidas pelo Kinect, e a EA liberou um vídeo mostrando como a plataforma permitirá que os jogadores interajam com a partida.

Para isso, o comando de voz foi a opção encontrada pela desenvolvedora do game, dando aos proprietários do Kinect a possibilidade de ativar táticas, mudar formações, gritar para um passe e realizar substituições sem parar o jogo ou ter que acessar um menu específico.

Além disso, o árbitro, os comentaristas e os bandeirinhas também podem ouvir tudo o que você está dizendo — assim, se você ficar agitado e utilizar uma linguagem mais grosseira, os “narradores” poderão comentar sobre isso e o árbitro poderá se tornar bem mais severo quanto à faltas, por exemplo. Sua atitude “esquentadinha” ainda poderá ir para o “Career Mode”, sendo gravada negativamente em seu histórico como gerente ou jogador.

Mas como surgiu a ideia do comando de voz? David Rutter responde

O produtor executivo do FIFA 13, David Rutter, em uma entrevista para o site CVG, afirmou que as possibilidades de gritar com o árbitro e de realizar as mudanças táticas sem precisar pausar o jogo foram decididas com base no que eles acreditavam que iria agradar aos fãs.

Inicialmente, a equipe de Rutter até pensou em utilizar o movimento corporal no game, mas os testes não foram tão positivos assim. Por isso, eles decidiram que iriam utilizar o Kinect apenas com algo que realmente funcionasse — e foi neste momento que a ativação de voz se tornou uma opção atrativa.

Img_normal
Além disso, o produtor executivo explicou que o detalhe de se utilizar uma linguagem chula com o árbitro e esse depois “pegar no pé” foi algo que era utilizado mais como uma brincadeira nos testes, sendo colocado oficialmente no jogo no último minuto por aparentar funcionar muito bem — além de ser algo realmente bastante divertido.

David Rutter também afirmou na entrevista de que a equipe do FIFA não tem pressa quanto aos consoles da próxima geração e que, atualmente, eles estão mais focados em experimentar as limitações tecnológicas dos sistemas atuais.

Kinect: Vários jogos hardcore no forno, garante Microsoft

  Img_normal
Então você empenhou o seu precioso dinheiro na proposta pitoresca da Microsoft, e agora anda com a pulga atrás da orelha em razão de uma aparente escassez de títulos novos? Nada tema. “Existem vários [jogos hardcore] a caminho”, afirmou o produtor sênior Kevin Unangst durante um evento da empresa no início deste mês.
O que se viu até agora seria apenas o início, portanto. “Trata-se apenas de arranhar a superfície por enquanto, mas nós já temos Child of Eden (…), nós temos Twisted Pixel’s Gunstringer… E você certamente verá muito mais”, afirmou Unangst ao site CVG.com. “Não faz nem cem dias que nós lançamos o Kinect ainda. Foi completamente intencional o lançamento acompanhado deblockbusters como Kinect Sports e Dance Central — jogos que trazem apelo para audiências mais amplas”.
De qualquer forma, é interessante notar que o calendário de lançamentos para 2011 do Kinect até o momento traz apenas Twisted Pixel’s The Gunstringer e Child of Eden, além de uma versão um tanto “lúdica” de Star Wars e o híbrido Forza Motorsport 4. Mais nada foi confirmado. O negócio é manter a boa fé.

Avatares Realistas

Os atuais avatares que nos representam no Xbox 360 são mais elaborados que os do Wii, mas não chegam ao nível de detalhamento daqueles vistos na Home, do Playstation 3.
Agora a Microsoft está em fase de estudos de uma forma realística para que possamos ser melhor representados em seu console. Os novos modelos podem ter sua aparência, sua voz e até a sua risada. Além disto, haveria, claro, uma grande interação dos novos avatares com o Kinect.
Os novos modelos de avatares estão ainda em uma fase inicial de estudos e testes, portanto devem demorar muito para serem disponibilizados para o público e nada foi dito sobre possíveis jogos ou aplicativos que utilizariam de seus recursos.

Virtua Tennis 4 já tem data confirmada!!

A Sega confirmou que Virtua Tennis 4 vai chegar às lojas dia 29 de Abril, para a PS3, Xbox 360 e Wii.

 
A Sega implementou o PlayStation Move na versão da PS3 e Mie Kumagai, a criadora da série, disse que é provavelmente o sensor de movimentos mais preciso dos três no entanto, o Kinect oferece mais”liberdade” e detecta todo o corpo do jogador, enquanto o Wiimote é “o mais acessível”, uma vez que não necessitam do Motion Plus para jogar (embora melhore a experiência).

Novos rumores sugerem Gears of War com Kinect e “on-rails”

O adiamento de Gears of War 3 pode ter desagradado muitos jogadores, mas também serviu para dar esperanças em relação a uma possível compatibilidade com o Kinect. Embora nada tenha sido confirmado oficialmente sobre a existência de um recurso semelhante, vários rumores apontam que as chances são altas.
De acordo com o site Kotaku, fontes próximas ao projeto garantem que não só poderemos controlar com movimento em determinadas partes como elas serão “on-rails” ou seja, movimentação automática. Até mesmo uma imagem foi divulgada, trazendo uma cena do segundo game como forma de teste. Porém, a Epic Games afirmou que se trata apenas de um conceito já abandonado.
Enquanto nada sobre a possível novidade é comentada pela desenvolvedora, o sonho de ver o periférico em ação em um jogo estrelado por Marcus Fenix continua. O recente registro de patente “Gears of War: Exile” pelo estúdio apenas faz com que os boatos tomem mais força.
Futuro dos FPSs é com sensores de movimento
Já no lado da Sony da historio, o chefe do setor de sensores da Guerrilla Games, Tommy de Roos, afirmou ao site CVG que o futuro dos jogos de tiro em primeira pessoa reside nos controles sensíveis a movimento. Ele explica que não considera apenas o Move, mas o conceito como um todo.
Já para a página do Ars Technica, de Roos afirmou que a desenvolvedora cogitou criar uma versão compatível com o sensor para Killzone 2 e que também seguiria o sistema de “on-rails”. No entanto, ele conta que o projeto não avançou por ter sido considerado demasiadamente complicado, principalmente com o fato de o terceiro título da série estar tão próximo de ser lançado.