Posts Tagged ‘ God of War: Ascension ’

The Last of Us demo desbloqueado em God of War: Ascension

CentrodosGamesBr 07Se você tiver uma cópia de God of War: Ascension, você pode conferir um livre The Last of Us demonstração hoje. Acesse o demo através do menu principal do Ascension, que será autodirecional para a PlayStation Store e fila o download.

A demo contém o nível de The Last of Us, onde Joel, Ellie e Tess devem assumir múltiplas infectado Periferia – incluindo os clickers que brigaram com o início deste ano.

The Last of Us é da Naughty Dog mais recente, a história da tentativa da humanidade para sobreviver os remanescentes fungos infectadas de um surto apocalíptico de duas décadas atrás. Protagonistas Ellie e Joel também terá que evitar outros seres humanos em sua jornada através de uma devastado Estados Unidos.

Para garantir a sua Pré-Venda do Game The Last of Us Clique Aqui.

God of War: Ascension

Conhecendo a história que fez Kratos ter sede de vingança

Apesar de ter acabado de forma magistral e de não deixar brechas para uma continuação, a Sony Santa Monica não pôde ignorar os pedidos dos fãs e acabou por anunciar mais um game para completar a série God of War, com o episódio Ascension.

God of War Ascension vai contar a história dos primórdios de Kratos, revelando como ele passou de um semideus que queria encontrar o seu lugar na Terra para o chacinador do Monte Olimpo.

Continue acompanhando esta prévia do Centro dos GamesBr e descubra o que mais pode ser esperado do prólogo da série do Deus da Guerra.

O lado humano de Kratos

Se você já pôde experimentar o primeiro God of War lançado para PlayStation 2, deve se lembrar que não demora muito para que o protagonista demonstre que não se importa nem um pouco com a vida dos humanos, tratando homens e mulheres comuns com o mesmo desprezo que sente pelos inimigos.

À medida que você progride pelo jogo, vai ficando claro que ele tem alguns bons motivos para estar tão enfurecido com tudo à sua volta. Bom, o prólogo anunciado pela Sony promete mostrar os “bons tempos” de Kratos, quando ele ainda sentia um pouco de compaixão.

Esta característica inédita do protagonista já foi evidenciada no vídeo demonstrado na E3 deste ano, quando ele salva um aldeão de ser atingido em cheio por uma lança que vinha em sua direção. O temperamento do Kratos dos primórdios continua não sendo dos mais amistosos, mas não chega nem perto da fúria vista nos demais games.

Img_normal

A aparência dele também é mais próxima à de um humano normal, mesmo que a superforça ainda esteja presente. Os fãs da série também terão a oportunidade de conferir como o protagonista ganhou a famosa cicatriz no rosto, já que a sequela ainda não está na face do guerreiro nos primeiros momentos do game.

Gameplay aprimorado

Muitas das mecânicas que definem a série do mesmo criador de Twisted Metal foram mantidas intactas, como o icônico personagem usando as “Blades of Chaos” como arma.  Outras, como a maneira como você escala penhascos, foram aprimoradas.

Img_normal

A agilidade e destreza de Kratos enquanto está nas alturas são quase tão boas quanto às do herói de Uncharted, considerando que agora é possível passar por aclives com ângulos irregulares, com controles que ficaram mais aprimorados para esse tipo de ação. Naturalmente, é certo que novas versões de combos, ataques e movimentos especiais desenvolvidas também foram adicionadas.

Img_normal

As armas deixadas por inimigos tombados não só podem ser utilizadas à vontade, mas também possuem o seu próprio grupo de ataques especiais. Outro recurso que chamou atenção é a habilidade de “curar” ambientes que foram destruídos, como é caso do elevador, que ficou em ruinas depois de ser atingido pelo monstro do mar apresentado no vídeo.

Essa funcionalidade também promete oferecer desafios lógicos, como pequenos puzzles. Continue ligado no CentrodosGamesBr para mais novidades sobre o prólogo da franquia considerada a mais violenta do PlayStation 2 e 3 previsto para chegar às lojas no início de 2013.

PS Plus terá teste beta do multiplayer de “God of War: Ascension”

Os assinantes do PS Plus terão acesso ao teste beta do multiplayer de “God of War: Ascension” em breve, anunciou o diretor Todd Papy, no PlayStation Blog.God of War: Ascension

Pappy também revelou detalhes da modalidade multijogador de “Ascension”. O diretor disse que cada um dos deuses oferecerá habilidades e um estilo de combate único, e durante as partidas será possível desbloquear poderes especiais, armaduras, armas novas e outros tesouros para o guerreiro.

Cada um desses itens será usado no modo principal do multiplayer, intitulado Favor of the Gods. A meta aqui é acumular pontos de formas variadas, como matar os inimigos, colecionar orbs vermelhas das urnas e outras ações.

Os mapas de jogo também serão variados – um deles inclusive apresenta um titã gigante que pode ser liberado quando uma equipe ganha uma quantidade de “pontos de favor”. Além disso, há vários itens espalhados em cada arena, como as Botas de Hermes, que aumentam a velocidade de movimento do personagem.

Jornada ao passado

Diferente do que se esperava, “God of War: Ascension” não será uma continuação direta de “God of War III”, mas uma “prequel” contando a história de como Kratos se tornou servo de Ares, antigo deus da guerra na franquia.

Exclusivo para PlayStation 3, “God of War: Ascension” chegará às lojas em 12 de março de 2013.

God of War Ascension: Sony libera imagens do vilão Elephantaur

A Sony Santa Monica acaba de revelar as imagens de um dos novos vilões que darão trabalho a Kratos em God of War: Ascencion. Trata-se do Elephantour, algo que bem poderia ser um cruzamento entre um minotauro e um elefante.

De acordo com o Blog Oficial do PlayStation, a inspiração para o inimigo surgiu ainda em God of War 3, mas a ideia acabou sendo posta de lado. E há ainda uma curiosidade: Izzy, artista responsável pela concepção do Elephantour, acabou ligeiramente intimidado por um elefante na Tailândia… De forma que, ao que parece, o que há aqui é um caso bastante singular de vendetta.


O referido blog traz várias imagens e também um vídeo sobre o monstrengo — é melhor conferir logo, antes que ele acabe sendo enviado para aquele imenso limbo, junto com inúmeras outras divindades despachadas pelo Deus da Guerra da Sony.

God of War: Ascension deve ser lançado em algum momento de 2013, exclusivamente para o PlayStation 3.

Fonte: Blog Oficial do PlayStation

God of War: Ascension

Um Kratos mais próximo de nós

Ao longo dos anos, os fãs da franquia God of War têm acompanhado Kratos em uma jornada sangrenta e amaldiçoada. Em busca de vingança, o Deus da Guerra assassinou todos os deuses do Olimpo e terminou sua saga de forma ambígua, entre a vida e a morte. Muitos pensavam que não havia mais para onde ir e questionavam como a franquia seguiria em frente a partir daí, se é que seguiria.

Contrariando todas as expectativas, a Sony anunciou God of War: Ascension, um retorno às origens da trama e um olhar mais profundo nas motivações do anti-herói. Em outras prévias aqui do Centro dos Gasmes Br, já falamos sobre o modo multiplayer e todas as novidades do novo título. Para os produtores do game, porém, a grande inovação do próximo título é a criação de um Kratos mais próximo dos jogadores, mostrando que há muita coisa sob os litros de sangue derramado.

Kratos Begins

Img_normal
Antes de mais nada, é importante resumir a história para aqueles que não são iniciados na franquia. Em God of War: Ascension, vamos conhecer as origens da vingança de Kratos contra os deuses do Olimpo, após uma traição de Ares que levou o personagem a assassinar a própria família. O pacto foi feito quando o protagonista ainda era um comandante espartano, sedento por poder e enfrentando a derrota após combate contra um exército de bárbaros.

Kratos veste, literalmente, as cinzas de sua esposa e filho assassinados como uma lembrança constante do mal que ele causou ao mundo. Segundo o diretor de design do game, David Hewitt, esse será um dos pontos principais da trama de God of War: Ascension, que mostrará um protagonista mais vulnerável perante seus inimigos e ainda aprendendo a lidar com seus atos e poderes. Basicamente, construindo a vingança que, mais tarde, massacraria o Olimpo.

Essa construção se dará por meio de elementos presentes na mecânica do jogo. Em vez de fincar suas armas nas montanhas para escalar, por exemplo, Kratos tentará subir usando as próprias mãos e pés, tornando a jornada muito mais difícil. O personagem também sofrerá mais durante as cenas e passará por momentos realmente “perturbadores”, que moldarão sua personalidade futura.

Img_normal
O diretor do título, Todd Papy, frisa que ainda veremos o Kratos brutal e destruidor de sempre, só que desta vez ele ainda estará tentando desfazer o pacto que o amaldiçoou. As coisas, porém, não caminham tão bem assim e, segundo ele, o assassinato de sua família foi apenas o início dos problemas para o protagonista de God of War: Ascension.

Existem limites

Nada disso, porém, significa que Kratos será menos brutal. Pelo contrário. Papy garante que o Deus da Guerra continuará cruel e violento como sempre, mas, desta vez, terá um tempero emocional em todo o combate. Hewitt também concorda com essa afirmação e diz que um dos pontos principais de Ascension é mostrar o protagonista como alguém que não gosta do que está fazendo.

Um dos principais cuidados tomados pela Sony Santa Monica no desenvolvimento de God of War: Ascension foi evitar a glorificação da violência. Para obter isso, a equipe seguiu um conjunto de regras bem claras para evitar que Kratos parecesse estar gostando  ou aprovando aquilo que é obrigado a fazer.

Img_normal
Uma questão foi absoluta para o time: a violência contra a mulher. Hewitt afirma que o assunto chegou a ser mencionado como parte do game e, mais de uma vez, a Sony Santa Monica preferiu não entrar nesse mérito. Quando o assunto é abordado, isso é feito de forma muito cuidadosa para não passar a impressão errada.

Mesmo com todas essas mudanças na abordagem e personalidade de Kratos, o diretor do game faz questão de afirmar que God of War: Ascension não é um reboot da franquia, e sim apenas um prelúdio. O game é exclusivo do PlayStation 3 e chega ao mercado em 12 de março de 2013.