Gotham City Impostors

Parece Batman… Mas não é

Gotham City Impostors traz consigo uma proposta um tanto curiosa, algo que poderia ser descrito da seguinte forma: trata-se de um jogo do Batman… Sem a presença do Batman. Aliás, a ausência do Homem-Morcego não é a única. Mesmo os vilões clássicos do herói ficaram de fora. Para ocupar o vácuo deixado, aparece uma patota composta cópias baratas do alto escalão do universo DC. Ok, isso não é necessariamente ruim.
Em termos mais práticos, o projeto da Monolith Productions — mesma responsável pela série F.E.A.R. — envolve um FPS (tiro em primeira pessoa) despretensioso no qual a personalização parece cumprir um papel central. Aqui, Gotham City se transforma em um palco para que até oito competidores finjam ser Batman, Coringa e afins para trocar tiros em suas roupas espalhafatosas e multicoloridas.
Img_normal
Mas repetindo: não há Batman aqui, assim como não há o Coringa — e nem os seus compadres criminosos de lapelas igualmente coloridas. Mas sim, esse fingimento pode ser divertido, sobretudo quando se considera que a proposta aqui visa às redes de distribuição online dos consoles. Vamos a alguns detalhes.
Batman com arma de PVC e calças coloridas
Conforme mencionado acima, não há em Gotham City Impostors qualquer personagem real do universo da DC. Em vez disso, o que se tem é um bando de engraçadinhos pretensiosos vestindo roupas semelhantes às dos heróis e vilões criados pela produtora. A propósito, é justamente aí que se encontra o pilar principal do conceito trazido pela Monolith: personalização.
Absolutamente nada aqui é fixo, nem mesmo as tradicionais cuecas sobre as calças. Tudo pode ser alterado, das roupas às armas, sempre com alterações sensíveis na jogabilidade. Por exemplo, um corpo mais esguio poderá se mover com mais rapidez — embora não sem o prejuízo óbvio da força física.
Img_normal
Também as suas armas podem se parecer com qualquer coisa aqui. Elas podem trazer texturas e cores cômicas (cor-de-rosa, por exemplo), e também podem ser feitas a partir de canos de PVC — não, aparentemente, nada impede que você tenha um cano de PVC cor-de-rosa. O resultado final ainda poderá disparar mísseis ou fogos de artifício com a mesma pose…
De qualquer forma, o que importa é fazer bonito na hora do tiroteio — lembre-se, não é
Batman. Isso concederá pontos de experiência com os quais será possível comprar ainda mais itens personalizáveis, o que significa, é claro, personagens ainda mais poderosos e bizarros. O resultado final? Um universo falsificado e completamente insano com figuras caricatas (e pesadamente armadas!) correndo para todos os lados.
Heróis e vilões… Qual era mesmo a diferença?
O mais curioso? É realmente difícil saber quem é mais insano no campo de batalha, se os heróis ou os vilões — não que isso realmente faça alguma diferença. O melhor mesmo é se manter atento aos nomes flutuando sobre cada uma das cabeças na arena.
De qualquer forma, levando-se em conta que poucas informações foram reveladas até o momento, uma dúvida crucial permanece pairando entre as calças coloridas e os canos de PVC de Gotham City Impostors: incluir o nome “Gotham City” no título foi simplesmente uma manobra comercial?
É de se esperar que o apoio de um nome de peso não acabe virando uma espécie de muleta para um resultado final simplesmente mediano. O negócio é esperar por mais detalhes. Gotham City Impostors tem lançamento previsto para algum momento de 2011. Aguarde novidades.

Anúncios
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s