The Elder Scrolls V: Skyrim

Os pergaminhos antigos nunca foram tão novos

The Elder Scrolls V: Skyrim é o mais novo capítulo da famosa franquia de RPGs, da desenvolvedora Bethesda (que é a mesma da série Fallout). O jogo é o sucessor de The Elder Scrolls IV: Oblivion traz algumas características semelhantes, mas está cheio de novidades.
Esta é a primeira vez que um jogo da franquia Elder Scrolls não é para um novo console. E aproveitando que ainda há muito poderio gráfico e técnico para ser explorado nessa sétima geração, o vindouro game explora novos gráficos, uma recém criada jogabilidade, a esperada nova engine — haverá bastantes detalhes na interface principal ― além da nova inteligência artificial.


O jogo se passa duzentos anos depois de Oblivion, em meio a uma guerra civil que ocorre entre os Nords, que pretendem a cisão do império. Como se não fosse confusão suficiente, o rei de Skyrim é brutalmente assassinato. Essa guerra é o último de uma série de eventos descritos pelos temidos Pergaminhos Antigos (Elder Scrolls), que também previram o retorno de um antigo deus nórdico da destruição, Alduin. Desta vez, a divindade toma a forma de um dragão e é acompanhada por um grupo de dragões negros, conhecidos como Jills.
O jogador assume o papel do caçador de dragões, Dovahkiin, o último “Dragonborn”. Ele é apontado pelos deuses como quem irá derrotar Alduin e os Jills, e proteger Skyrim and Tamriel. Cada uma das dez raças existentes em Elder Scrolls possui habilidades específicas diferentes, exceto pela maneira de correr, que agora não está mais presente.


Forma de combate: você poderá jogar com o que quer que coloque em suas mãos. Além das usuais bordoadas, machadadas, magias e as demais armas comuns aos RPGs, pode-se colocar uma espada em uma mão e um feitiço em outra, combinando livremente os ataques. Ainda, você pode andar com uma bola de fogo em uma mão e uma espada em outra, combinar as duas coisas e fazer uma espada de chamas, ou uma bola de fogo gigante.
Cada jogador assume a classe que quiser, conforme os atributos que preferir.  Isso quer dizer que não se escolhe se vai ser arqueiro ou paladino logo no começo do jogo. Somando com as habilidades de luta e feitiços, existem as dragon shout habilities – no antigo Elder Scrolls, Lore, os Nords possuíam uma poderosa habilidade de gritar.
Img_normal
Quando os dragões estão falando, eles utilizam línguas “dragoníneas” (ou “dragonianas”, como preferir), e o jogador também poderá aprender essas palavras de poder, e colocá-las juntas, usando como um poderoso grito ― mesmo contra os dragões. É realmente um poder diferente e muito legal.
Quanto às incríveis lutas contra os grandes chefes, quando você os derrotar, absorverá suas respectivas almas, uma vez que você é Dragonborn (nascido de dragões) — lembrando a relação que existia nas batalhas com os Big Daddies (em Bioshock) ou com os Hellacopters (em Half Life 2), só que grandemente mais assustadores. A dificuldade dos inimigos e das áreas está bem balanceada. Como nos anteriores, haverá lugares normais, fáceis, difíceis e os que exigirão muita perspicácia.
Quando um jogador passa de nível, ele ganha regalias, além dos famosos pontos que podem ser distribuídos entre os atributos que preferir. Existem ao todo 18 habilidades, que são aumentadas com o próprio uso de cada uma, até que atinjam pontuação para a passagem de nível. Para cada uma das skills existe uma árvore, bem na linha de Fallout 3, que você vai desbloqueando uma de cada vez.
Img_normal
Um exemplo das regalias em habilidades com armas de uma mão só, é se especializar no uso de machados, fazendo com que quando um alvo seja atingido ele fique sangrando (bleeding), ou em lanças, que perfuram armaduras, ou quem sabe, em espadas que forçam danos críticos.
A jogabilidade é para ser a mesma nas três plataformas, mas visualmente não haverá muita mudança. A definição gráfica de todos os consoles dessa geração é muito alta, o que facilita a padronização dos gráficos. Porém, o PC poderá apresentar uma resolução um pouco mais alta e texturas melhores, além de algumas telas na interface principal com designs diferentes.
O game está previsto para a cabalística data de 11/11/11 para PC, PlayStation 3 e Xbox 360.

Anúncios
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s