Divinity II – The Dragon Knight Saga

Divino? Só se for no nome

É normal conferirmos títulos que, declaradamente, são influenciados por outros. Muitas vezes, o resultado é até positivo, já que algumas desenvolvedoras conseguem captar a essência de um game, normalmente, inovador e adicionar elementos ainda mais bacanas.
O que não é nada bacana é quando vemos uma cópia descarada de um título. A falta de criatividade é um dos problemas mais agravantes da indústria do entretenimento eletrônico, que decepciona tanto a crítica quanto os jogadores.
Infelizmente, Divinity II: The Dragon Knight Saga parece ser mais um daqueles RPGs genéricos que, sinceramente, todos estamos cansados de ver. O Baixaki Jogos conferiu de perto a demonstração do game, que está disponível na Live dos Estados Unidos, para tirar suas próprias conclusões sobre o potencial do game. E o resultado não foi nada agradável.


Uma cópia de Dragon Age?
Divinity II chega a impressionar com sua CG inicial, na qual conferimos um ambiente até bacana, mesmo que extremamente genérico. Temos guerreiros com armaduras pesadas, um cenário repleto de dragões e, obviamente, alguns dragões. O típico ambiente de romances épicos e de vários outros jogos do gênero. Mesmo assim, o vídeo introdutório é bacana e até desperta interesse do jogador.
Contudo, a próxima tela já deixará você com o pé atrás. Aqui temos um sistema de personalização bem básico, na qual tudo o que se pode fazer é alterar o nome, sexo e alguns atributos pré-definidos do personagem — como a voz. Isso sem contar o modelo, que traz gráficos que não estão nem pertos do padrão da atual geração.
Tudo bem, passada a customização, vamos para a ação. Ou melhor, para a decepção. Divinity II se comporta exatamente como o excelente Dragon Age 2, mas com uma engine muito mais pobre e conceitos nada originais.


O primeiro elemento que se destaca são os próprios gráficos. A terrível qualidade das texturas e os filtros mal aplicados tornam tudo ainda menos atraente. Tecnicamente, a demo mostra um título bem pobre quando o assunto são os visuais. Serrilhados, modelagens pobres e uma resolução abaixo do normal são apenas alguns dos fatores que deixam a desejar.
Fora isso, temos uma direção de arte que não traz nada inspirador. Tudo o que você vê são edifícios, pontes, ruas e personagens que parecem ter sido reunidos de diversos outros jogos e filmes do estilo. Não há nada original aqui. Para piorar, temos animações enfadonhas, que quebram qualquer clima épico que o game pudesse pretender alcançar.
Uma espada quebrada
O esquema de jogabilidade de Divinity 2 também parece ter sido copiado dos demais títulos do gênero. Essencialmente, o jogador deve conversar com vários NPCs para descobrir qual é e qual será sua próxima missão. Sendo assim, você acaba sendo jogado de um lado para  o outro até, finalmente, saber o que realmente importa em sua jornada.
Uma das primeiras missões envolve uma conversação com Morgana, uma das figuras mais importantes da região. Ela acaba revelando uma espécie de espírito, conhecido como Toral, que traz mais informações sobre a situação atual. Tudo seria muito épico, se não fosse a terrível apresentação do game.
Img_normal
Depois disso, você conversa com um ferreiro e finalmente recebe uma arma. Com ela, você pode deixar a cidade e realmente partir para seu objetivo. Lá fora, o jogador encontra vários inimigos, que são facilmente derrotados com poucos golpes e não oferecem nenhum desafio.
O jogador também pode navegar pelos menus para conferir informações sobre itens e equipamentos, além de livros com detalhes sobre a trama e muito mais. Tudo o que você espera encontrar em qualquer RPG que se preze, oferecendo um nível razoável de profundidade.
Definitivamente, a demo de Divinity 2 não impressiona. Cenários genéricos, uma jogabilidade simplória e a total falta de inovação são apenas alguns dos elementos que justificam nossa indignação com o game. O título chega às lojas na semana que vem, exclusivamente para o Xbox 360 e PC.

Anúncios
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s